Eu Sou

janeiro 23, 2020 0 comentários

“Disse Moisés a Deus; Eis que quando eu vier aos filhos de Israel e lhes disser: O Deus de vossos pais me enviou a vós outros; e eles me perguntarem: Qual é o seu nome? Que lhes direi? Disse Deus a Moisés: Eu Sou o que Sou. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: Eu Sou me enviou a vós outros.” Êxodo 3: 13 – 14

 

Como você imagina a Deus? Como ele é? Qual será a sua aparência? Se veio a sua mente a  imagem de um homem musculoso de cabelos grisalhos e longa barba branca é devido a influência de Michelangelo e sua famosa pintura da Capela Sistina que tem influenciado a cultura cristã por séculos. Mas essa nunca foi um desejo de Deus. Na verdade, essa é uma importante preocupação divina ao longo do seu relacionamento com a humanidade. Porque ele sabe do perigo de tentarmos delimitar ou definir àquele que é Eterno e Infinito.

 

Por isso que no velho testamento o Senhor proibiu terminantemente o seu povo de fazer imagens de escultura já sabendo da tentação de imitar o estilo de adoração dos povos pagãos ao seu redor. É por isso também que não temos nenhum registro da aparência física do Senhor Jesus nas quatro biografias bíblicas sobre a sua história. O Senhor Deus sabe que ao defini´-lo nós o diminuímos. 

 

Assim como Moisés, muitas vezes perguntamos para Ele, quem é o Senhor? Seria muito mais fácil para o homem natural a escultura , a definição  que delineia a sua imagem. Mas veja a resposta que Ele deu … diga que o “Eu Sou te enviou”. Isso porque na nossa jornada o Senhor Deus deseja se revelar como a resposta para todas as nossas necessidades. Então quando precisamos de paz , Ele se revela como  o EU Sou a sua Paz – Jeová Shalom. Quando passamos por privações Ele se revela como EU Sou o que te provê – Jeová Jiré. Quando estamos enfermos ele diz Eu Sou quem te cura – Jeová Rafa. Quando você se sentir sozinho Ele diz Eu Sou estou aqui – Jeová Shamá. 

 

Glórias a Deus por isso. Ele é grande e maravilhoso demais para se esgotar dentro dos meus pensamentos. Não tenho dúvida que a eternidade inteira não será suficiente para conhecê-lo. 

 

E, dessa forma,  vivemos de fé em fé … permitindo que o Senhor Deus se revele e se manifeste a cada dia dentro das nossa vida. Tal vida e relação não se explica ou se transfere hereditariamente. Ela é experimentada no nosso espírito quando testemunhamos e vivenciamos que Deus simplesmente É. E assim como o Sol, não podemos olhar diretamente para Ele mas sem a sua luz não podemos enxergar coisa alguma. 

 

Na nossa peregrinação essa revelação precisa aumentar em densidade e significado dentro de nós..  O grande Eu Sou é 3 em 1 e um 1 em mim.

 

“Acaso não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo que está em vós, o qual tendes da parte de Deus e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço.” I Co 6: 19,20